Ford Corcel II, by Adrio – Taquari-RS

adrio corcel II Taquari RS 450x337 Ford Corcel II, by Adrio   Taquari RS



Por favor, não faça comentários sobre compra dos veículos das fotos, pois eles não estão à venda, pelo que sabemos. As fotos, aqui, só registram o abandono automotivo. Somente isso; não tratamos de comercialização neste Blog. Grato.




Veja alguns inúteis relacionados com "Ford Corcel II, by Adrio – Taquari-RS"





17 Comentários em “Ford Corcel II, by Adrio – Taquari-RS”

  1. kioma:

    como meu monitor do pc é escuro não to conseguindo ver mas ele ta sem roda ou atolado ?

    [Responder]

    Lucas Borges Respondeu:

    Os 2 se rodas e atolado

    [Responder]

  2. Lucas Borges:

    Cara esse aí ta ”detolado” hein… acho que só doador mesmo pois não compensa mais arrumar.

    [Responder]

    kioma Respondeu:

    Acho o mesmo como a pessoa dexa um carro assim ? affs

    [Responder]

  3. Jr.:

    É com um carro desses que eu sonho desde criança. Adoro esse carro também. Já realizei o sonho de ter um voyage, agora falta um corcel II também. Gostaria de montar uma garagem com carros dos anos 70/80… Maverick, Landau, Corcel II, Golzinho batedeira, Monza, Escort…

    [Responder]

    kioma Respondeu:

    gostaria de ter um carro kkk mas ta complicado o opala 75 e laia

    [Responder]

  4. Landau:

    Corcel é um carro legal, esse já era!!!

    [Responder]

  5. Lucas:

    Aprendi a gostar do Corcel, principalmente dos primeiros…

    [Responder]

  6. Marcelo Caiçara:

    o problema desse carro é o motor cht….

    Acabei de vender um xr3 conversivel com esse tal cht … desisti dele pq esse motor me encheu… o carburador weber era um saco, vivia entupindo gicle, dando defeito, era mangueira de agua q estourava pra todo lado, as valvulas tec tec por fim, queimou junta de cabeçote pq a bomba de combustivel estourou e misturou alcool com oleo… arrumei e vendi…

    pode ser q tive azar, mas cht nunca mais, primeiro e ultimo…

    [Responder]

  7. Minerim:

    Já vi piores rodando.

    [Responder]

  8. valuck:

    tá certo que um corcel deve pastar …
    todo bom equino necessita de relva fresca, capim suculento, alfafa …
    mas esse foi largado no mato sem cachorro …
    sem capim … e o cocho da redenção parece miragem …
    está inatingível, e assim como o arco-iris se afasta a cada vez que se chega perto …

    [Responder]

  9. Homem mau, feio e barbudo do Ferro Velho:

    Vai virar prego logo logo…….tomaram que ao menos aproveitem as peças que ainda servem para salvar outro……..

    [Responder]

  10. Fernandogb:

    Gosto da versão LDO, me lembro de um cheiro em seu interior característico dessa versão, quando era criança meu primo tinha um e achava o máximo aquela parte adesiva no painel que imitava madeira,
    a luz na porta, o volante com 4 raios… Bons tempos…

    [Responder]

    Marcelo Caiçara Respondeu:

    eu tambem gostava do corcel até conhecer o tal CHT…

    CHT never more…

    Chamber High Turbulence, ou seja, Câmara de Alta Turbulência.

    Por que? Dirija a 100 por hora e sinta a turbulencia….

    [Responder]

  11. Squall:

    Esse ai tem jeito mais não, só doador e olhe lá… se brincar ele se enterra ai! XD

    [Responder]

  12. Danilo:

    Dá a impressão que o carro de acidentou e ficou por ai mesmo! Parece que capotou…Acho que já era, é um ótimo carro, e não tenho nada contra o motor CHT, inclusive tive um Del Rey 87 1.6 alcool CHT de 95 à 2008 (ano em que ele se acidentou, e está até hoje largado no quintal, c/ motor standart e 150.000 km) e tenho um Escort Hobby 1.0 CHT de 2002 até hoje, c/ 129.000 KM….nunca tive problemas! Apesar que o carburador do 1.6 alcool encheu o saco uma época, mas o do gasolina nunca deu problema! Ótimos e resistentes!

    [Responder]

  13. leandro:

    so doador mesmo

    [Responder]

Deixe um Comentário

Por favor, não faça comentários sobre compra dos veículos das fotos, pois eles não estão à venda, pelo que sabemos. As fotos, aqui, só registram o abandono automotivo. Somente isso; não tratamos de comercialização neste Blog. Grato.