Chevrolet Impala 1968

rafinha-chevy1 Chevrolet Impala 1968

Pantano Grande é o lugar; e Rafinha Rodrigues, o cara!

(dedico este post à Brochaiada! 🙂 Delânus, Beabá, finado León, Eurico Miranda Júnior, DiCésar, Serginho Orgastic Rego Desire etc.)

01-03-10-024 Chevrolet Impala 1968

Sente a pressão!

01-03-10-034 Chevrolet Impala 1968















64 thoughts on “Chevrolet Impala 1968

    • implacável sentinelamopardaipanema , o implacável MarceloKT77dovectradolandauetc já achou uma inutilidade útil pra esse impala , como pode constatar mais abaixo.
      Deu-lhe finalidade pesco-lanchistica .
      Imagino que para pescarias no pântano ou no alto e baixo mar .
      Assim esse raro impala teria uma sobrevida oceânica e combinante do seu verde com o verde do mar ,
      Adicionaria cracas à ferrugem enriquecendo essa implacável corrosão corrosiva .
      Achei uma idéia mãe essa a do implacável Marcelo .
      O que acha implacável sentinela ?

  1. Esse rafinha e desgraçado, vive de vender carros antigos, o cara tem faro e vai longe atraz dos carros, um dia eu chego la!!! Abraço a todos e parabéns ao Rafinha!!! Esse daria um belo Impala Low-Rider, estilo chicano!!!!

  2. Caramba, outro Impala por aqui…ao contrário do outro esse é só o RESTO, já era faz tempo.
    E aproveitando parabéns ao Rafinha Rodrigues, um dia tbm chego lá

      • implacável rafinha lebres e impalas pulam e saltam nos matos , nas florestas e nas savanas …
        mas não são aparentados .
        levantar a lebre é possível …
        já levantar esse impala …
        é o bicho …

      • Valério, junta 10 Euricos Mirandas Jr. e não dá meio Rafinha!
        O acervo deste cara é digno de publicação; em livro.
        Este, sim, não se aplaca!

  3. Cadê o carro?
    Restos mortais de um Impala, só o esqueleto, está no nivel daqueles Dodges que foram adquiridos pelo colecionador para restauro, eu não sou contra ao tuning, low rider e etc. Sou contra pegar um carro integro, e mudar tudo nele, agora pegar uma carcaça dessa que não tem nada de originalidade, e transformar no bicho que quiser é livre, por que alguém pagaria 50k em um Impala todo original, rodando, bonitinho se é para arregaçar nas modificações, pega uma estrutura dessa e se diverte, tem muito o que fazer ai sim o cara mostra as fotos do antes e depois e pode ter orgulho do que fez!

  4. esse foi ‘ impalado ‘ pela inquisição …
    torniquete , garrote vil e tronco foi só o come~ço .
    das torturas só não sofreu a da fogueira .
    sobrou só a boa vontade de ver os restos mortais do que algum dia foi um ‘ tomóver ‘ .
    Interessante essa ‘ casualidade ‘ de inúteis verdes …
    Alguma homenagem ao meio ambiente ou ao Greenpeace prof.
    Russel ?
    huiahuiahuia ( homenagem ao riso Siibeliano )

  5. a tampa do fogão era para ser usada no vidro da porta ?
    diluiram a tinta verde com a qual pintaram o paralama e pintaram a caixinha de fusíveis da oficina ?
    a tinta verde bandeira era a que sobrou da repintura do fusca 74 e que foi reaproveitada pra não deixar secar o rolinho ?
    O tanque foi usado pra destilar a caninha ?
    cacildis o cara deve gostar de quebra cabeças .
    Desmontou ele todo num dia de carraspana e agora já não lembra ‘oque ‘ era de ‘onde ‘ .
    E estranhou que sobrou um carrinho de peças , porcas e parafusos inúteis na ultima tentativa de remontar o impala , aí desmontou de novo .

  6. Sabe, olhei este Impala e me veio uma ideia na mente. Pegamos um casco de lancha de pescador, aqueles de aluminio, colocamos a carroceria do Impala em cima, fixamos, carenamos onde seria a frente (para dormir em caso de aguardencia excessiva durante a pescaria), colocamos um motor de popa e pronto!!! Teriamos uma verdadeira lanchala 68, o que voces acham desta????? Hahahahahahaha. Inedito.
    Russel, me diz uma coisa, porque tu não começa a chamar todos que te enviam bastante fotos de implacável também como na brochaiada?
    Fala assim: MarceloKT77 o implacável… Rafinha, o implacável, Daniel Roiha, o implacável, Valerio, o implacável, Genaro, o implacável, porque tu não muda o nome do blog para “O IMPLACÁVEL”? Porque tu ao invés de colocar o nome do carro, tu não bota apenas implacável 68, 72, 86, etc. Por que todos nós não fazemos igual a brochaiada e ao invés de escrever um comentário construtivo, escrevemos apenas “este carro tem manutenção e desgaste IMPLACÁVEL”?
    Implacável, implacável, implacável? sim, implacável… implacável, etc, implacável!
    Implacável! hehehehe, Implacável!
    Implacável.

    • Além dessas sugestões, nós, os que enviamos as fotos, lhe escreveriamos os e-mails da seguinte forma: PARA MEU GRANDE AMIGO IMPLACÁVEL RUSSEL, MANDO ESTAS FOTOS COM EXCLUSIVIDADE IMPLACÁVEL, DE UMA FAZENDINHA DA ALEGRIA IMPLACÁVEL, ONDE NOS ENCONTRAMOS A NOITE PRA FAZER UMAS FOTOS DO CHUPISCAIÊ IMPLACÁVEL. LOGO APÓS NOS BANHAMOS SOB A LUZ DO LUAR IMPLACÁVEL.
      O que vocês acham colegas de blog implacável? não é uma idéia implacável?
      Ah, meu tio já teve um implacável, a manutenção é implacavel, a desvalorização é implacável e tá implacável pra restaurar, com micharia fica implacavel e tá sem motor implacável.
      Implacável.

    • Ilustre e implacável Marcelo , uma dúvida .
      implacável com a placa cinza ou com a ‘ marela ‘ ?
      Eu estou temporariamente fora do rol dos ‘implacáveis ‘ porque estou com minha contribuição IPVA’ trasada ‘
      I ndice
      P hotográfico
      V oluntário
      A mistoso …
      ou seja envio de fotos …
      hehehe só no sábado (espero ) estarei com a maquineta nova .
      Me aguardem que tem inútil até em cima de paredes … eh eh eh …
      achei 10 a idéia de fazer a barca e só uma sugestão o motor poderia ser o de um 3800 ou um 4100 de ‘ polpa ‘
      eh eh eh
      calma que eu explico …
      de polpa de laranja , abacaxi e cana

      o que voce lancha desse complemento seu implacável Marcelo ?
      precisamos consultar algum ‘ licenciável ‘ pra saber da viabilidade ‘ lanchiística ‘ desse empreendimento ?

    • Tu tá doente, merrmão. Deve ter pego o tal vírus BRocha, o Vírus do Marcso Rozen, que tem uma rosca gostosa !!! aiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

  7. Marcelo , vc fez um verdadeiro gol de placa … digo implacável .
    Seu texto está imp(l)ecável ( que é quase dizer implacável ) e tudo graças a esse fabuloso IPLA(cável) , IMPLALA , que infelizmente o implacável tempo implodiu e hoje está implacavel mente condenado ao implacável esquecimento .
    É o f IM PLA CÁ , VEL ho impala , impaludado por impaludismo nesse impoluto pântano grande e porque não dizer , imenso pra conter um impala .
    implacávedl abraço .

    • Obrigado Valério, tu sempre implacável!
      Este Impala faz certo tempo que já não anda implacável, e te digo, acho que nunca mais será mesmo implacável.
      Com relação ao motor de po’l’pa, prefiro o 4.1i do Omega, implacável, pois deixaria a lancha mais implacável na pescaria implacável. A polpa implacável seria pro caso de uma eventual dor de cabeça implacável proveniente de uma bebedeira implacável. Junto claro, de um anal(brochaiada)gésico implacável, hehehe.
      Para se rodar com este Impala implacável, seria inviável, devido aos documentos estarem com valor atrasado implacável. Melhor na água, onde só as ondas e o vento se faz implacável.
      Um abraço implacável do implacável para o implacável!

  8. “Não me perguntes onde fica o Alegrete…”
    Impala 68, tagged “para colecionador”.
    Só se for colecionador de restos mortais! 🙂

    • Por incrível que pareça, este Impala está desmontado, dizem ter todas as peças… guardadas… Ou seja, César: se um colecionador chegar até ele, e o Rafinha sabe o caminho, e pagar o preço da ”brincadeira”, terá, à sua maneira, um belo exemplar para restauração, digno de colecionador… Reitero: por incrível que pareça, mesmo diante destas fotos katrinescas… 😉

    • mas primeiramente deve ser :
      pintável …
      montável …
      e re-montável …
      restaurável …
      licenciável …
      e finalmente …
      IMP lacável ( tendo em vista que é um IMPala )

  9. Ai o filho de Maria mais eu, ninguém daqui foi de pseudo xingar ninguém do outro lado do muro, se quiser dizer alguma coisa aqui põe sua cara de viado na tela pra tomar tapa na cara de homem que é o que você gosta!

        • Eu estou defecando para este garoto; não gosto, isto sim, de ofensas a meu Estado – este papo de gaúcho, pejorativamente, não me desce goela abaixo…

      • Eu não tolero ofensas nem ao teu estado, nem a estado algum do nosso país, somos todos uma unica nação, e que pelo meus poucos conhecimentos de direito constitucional cabe pedir a promotoria do Rio Grande do Sul, entrar com pedido na justiça de quebra do sigilo, para descobrir quem é o infeliz que está fazendo essas ofensas, e seria designado um promotor para levantar todas as provas judiciais a um processo contra o responsavel e esse responder por processo criminal, por que promotor publico e não advogado? por que quando ele diz gaucho alguma coisa, gaucho aquilo, ele não está fazendo ofensas a uma unica pessoa, está dizendo de todas as pessoas de uma naturalidade, ele vai ter que fazer umas viagens, contratar advogado e pode ir preso ou ter que pagar algumas cestas basicas vai depender o quanto de $$$ ele der para o defenssor dele.

  10. Pessoal, conforme vocês podem ver, e eu fiz questão de que o vissem (pois liberei o acesso dele), para ser transparente, o blogue vem sofrendo ataques de um blogado, que troca de nome e me enche de desaforos… 🙁
    _
    O IP do cara: 201.29.242.123… muda o nickname, mas a origem de web é sempre a mesma: 201.29.242.123 ; peço que, se tiver algum expert aqui, nos auxilie e nos diga de onde provêm estes ataques virtuais, já que, além de ofensas pessoais a mim e inusitada correção à gramática da galera (logo onde ele foi fuçar, lembrando que muito já o fiz, nos tempos de brochaiada 🙂 – e bem feito, aliás), este menino está incorrendo à xenofobia, ofendendo ao POVO DO RIO GRANDE DO SUL, fato que acho lamentável e me recuso a aceitar… aqui, temos respeito por todos os estados desta rica Federação.
    Quem pode me ajudar?

  11. nao esquenta com isso russel, infelismente o mundo esta cheio de pessoas assim sem cultura, se ele soube-se mais sobre o nosso RIO GRANDE DO SUL, esta pessoa concertesa nao faria certos comentarios, respeito sempre cabe em qualquer lugar, mas a inveja, esta nao, ORGULHO DE SER GAUCHO, abraços a todos os meus irmaos de estado heheheheheheh, e aos demais que aqui participam, e obviamente sao de outros estados.

  12. Deixo com vocês a letra da musica, Minha Pátria de Mano Lima:

    Eu sou gaúcho e brotei do vento e da pampa
    cresci peleando abraçadito num fuzil
    (2x)
    de bombacha e de chapéu de aba larga
    por muitas vezes já defendi meu Brasil

    Por igualdade já peleei com meus irmão
    tive meu corpo todo coberto de chaga
    (2x)
    mas injeitei ajuda de outras nação
    pra não ferir a pátria que eu tanto amava

    E o que mais me deixa triste meus amigos
    é que meu nome a história não escreveu
    (2x)
    pra quem não sabe, eu sou o Rio Grande do Sul
    e não existe mais brasileiro que eu.

  13. Gostei do carro… só não rola de ter o dinheiro para ir até onde o Rafinha fez as fotos pelo menos para dizer para minhas pupilas que esse exemplar existe.

    Moro no Rio de Janeiro,sei onde fica a Favela supracitada pelo site onde foi feita a pesquisa.Acredito que este ”Sr.”(pelo menos isso eu aprendi a fazer nos 15 dias que eu passei sofrendo no Exército) utilize o sistema de internet banda larga roteada dividida de maneira que não convém ao sistema implementado pela Telemar Norte Leste S.A,ou seja, ele usa uma conexão de internet ”Gato Velox” e esse tipo de conexão o usuário só pode usar se tiver o seu IP cadastrado na ”rede distribuidora”

    O Povo do Tuiuti é muito simples e hospitaleiro porque passei dois anos indo nos finais de semana para as redondezas desse morro carioca e acredito que se precisar… a gente pede ”pros meninos” para saber quem é o ”distinto Sr.” que eles logo vão descobrir,porque o que não pode é ficar um povo sendo abusos seja lá de quem for.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.