17 thoughts on “Fiat Uno, Jozemar, Niterói, RJ

  1. Uninho mille da primeira geração….tá muito detonado e não vale muito…acho que não volta mais…bom carro, mas não compensa recuperar…pena

  2. Tive um 1.6r que turbinei. Era assustador o comportamento dinâmico que o carrinho tinha, e o tanto que andava com uma preparação simples.

    Esse aí eu tenho coragem de adotar, parece ser daqueles com os faróis grandes, bem mais feios que o modelo sucessor, mas é legal.
    Só trocar aquela porta ali e pronto.

  3. Rapaz, é só lavar, calibrar, por combustível, dar um tranco que o bicho revive…. hehehe…

    Galera, o outro blog, o Carrocultura, realmente morreu, né?

  4. Sem placa traseira, deve ser sucata de leilão. Carrinho valente, mas os da primeira geração eram bem fracos, e feios! Acho que não compensa ao restauro, se tiver documentos, dar um tapa e rodar assim mesmo!

  5. Ja foi este ai, somente doador a algum outro com mais sorte ou dar um tapa e usar assim mesmo até acabar, seria ótimo pros pedreiros, eletricista e afins ganhar dinheiro honesto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *