17 ideias sobre “Ford Galaxie – Santiago/RS, by Ângelo

  1. Tá meio maltratado, mas um Ford Galaxie é sempre um Ford Galaxie…se tiver a mecânica 302 no lugar, vale uma nota…compensa cada centavo investido nele…e pensar que muitos carros assim foram desmanchados no machado em ferro velhos por aí…

  2. Galaxie é muito bacana, se ainda estiver com as peças que são difíceis de achar, vale a pena restaurar. Motor e câmbio é o de menos, um 383 e um T400 resolvem tudo.
    Eu não tenho coragem, mas vale a pena.
    Ou então desmontar e doar peças para um em melhor estado.

  3. Parece ser um galaxie 500, porém de qualquer forma, é uma perda de dinheiro isso largado ai, mesmo que o motor seja o 292, e não o 302, vale muito a pena, e eu adotaria, apesar de ele nem entrar na minha garagem, pois é corredor e estreita ( a caravan entra no sufoco). Poderiam ao mesmo tirar do relento!

    • Menos, bem menos !
      Meu pai trocou uma bicicleta Caloi de um modelo bacana que tinha e um som em um Dart 1973.
      Depois trocou um fusca que era bem econômico em um Maverick V8, um Camaro 1969 e três motores V8 com câmbio completo, no ano de 1982.
      Carros esses que estão na família até hoje (Maverick usado nos fins de semana pelo meu pai, Camaro fazendo funilaria total).
      Meu vô trocou uns aparelhos de ginastica em uma El Camino no porto de Santos em 1983 (que bateu em um caminhão em 1996 e aguarda motor novo até hoje)
      Minha mãe teve o primeiro carro dela em 1992 e também foi em uma dessas trocas malucas de equipamentos de costura que ela tinha, mas já tinha quase acabado essa onda de carro sem valor. Confesso que sou louco para que isso acontecesse novamente.
      Aqui no meu bairro, tem muitos carros antigos da década de 60/70, e muitos deles foram trocados assim. Um cara por aqui conta que recebeu o pagamento de alguns materiais de construção, o tal pagamento foi um Impala 68 que roda impecável até hoje. Diz ele que o valor dos materiais na época era como se fosse uns mil reais hoje…

      Era muito barato, ninguém queria, e quem tinha coragem de trocar algo por um carro V8, era louco !

  4. Meu Pai conta que no Rio de Janeiro no final dos anos 60 e início dos 70 vc via na cidade diversos carros Americanos dos anos 40 e 50 Abandonados e tmb sendo vendidos a peso para sucata,mesmo em excelente estado.Ele comprou um Chrysler 1948 conversível com lateral de madeira em 1968 impecável pelo preço hoje equivalente a R$1.000,00 e o cara ainda deu o tanque cheio kkkkkkk Nos anos 80 os V8 Brasileiros e Americanos do fim dos 60 valiam o equivalente a uma TV nova ou seja por volta aí dos 500 a 1000 reias…Quem comprou e guardou hj tem uma pequena fortuna.Mais ou menos o que vai acontecer com algum modelo dos 90 ou anos 2000 no futuro….Não foi só os V8 que ganharam preço,os Karmann Ghia,os TC,SP2, entre outros que nada valiam no anos 80 e 90 explodiram nos preços hj……

    • Na verdade , até começo dos anos 2000 , quando comecei realmente se interessar nestes carros antigos, eu era taxado de louco, ninguém queria estes carros, tanto por dificuldade de manter a gasosa , quanto por dificuldades de se achar peças, pois lembre-se que nesta época poucos eram os afortunados com acesso a internet.
      Lembro que iria comprar um charger, preto , lindo com muito pouca coisa pra se fazer por miseros 4500 dilmas , minha mãe quase infartou, juntei a grana e fui buscar o bicho, mas ja era tarde, o dono vendeu por 4200 dilmas.Aqui em meu bairro um camarada comprou um landau 83 em troca de uma CG turuna só o cacareco , e acabou com o carro zuando no carnaval. pena.

  5. um carro tão lindo que m leva ate pensar em planos… sonho que um dia minha noiva chegará na igreja em um desses … poxa vida, o que fizeram com essa maquina x.x

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *