11 thoughts on “Jeep Willys, Luciano, região metropolitana de Curitiba, PR

  1. Um 54 Cara de Cavalo….com certeza volta…!!! JEEP – Este veículo de concepção antiga não é confortável, nem silencioso, não corre, é pesado, ronca um pouco e exige muita manutenção e um constante aperto no eterno vazamento de óleo, mas está sempre pronto para ir até a esquina ou simplesmente DAR UMA VOLTA AO MUNDO!!!!Essa é a síntese do que é um Jeep….garanto que se encher os pneus, por gasolina e bateria, ele sai daí funcionando…

  2. Trocar o óleo do motor,encher pneus, um trato no platinado e carbura , e colocar gasolina, pronto , eis a receita pra rodar de novo.

    Conheci rural com motor hurricane parado uns 10 anos, o novo dono fez este pequeno processo e bingo , o lento e beberrão hurricane funcionava de novo liso e silenciosamente, eu fiquei imprecionado.

    Apesar de não achar o modelo mais bonito,esse dependendo do preço eu adotava pra usá-lo em algumas trilhas leves de final de semana.

  3. Jipe guerreiro mesmo… Nunca andei em um, mas desde pequeno vejo todos os dias o de um senhor que ele estaciona todas as manhãs na porta da mercearia dele. Acho que na década de 70 já o parava por lá todos os dias, e como sempre, tem a mancha de óleo lá.

    Eu até adotaria, mas adotaria para não deixar ele estragar ai, pois jipe não faz o meu estilo.

  4. Volta sim, é que nenhum jipeiro viu isso ai, pq senão voltava fácil! Eu teria um, mas gosto dos modelos um pouco mais novo….qual será a história desse pobre jipe? parece que ele está agonizando, pedindo socorro!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *