48 thoughts on “Dodge Magnum

  1. Esse ia estrelar no filme “Mad Max in Brazil” mas sem a Rouanet e com parcos recursos desistiram do ‘longa’, está agora ai, à sanha da sociedade, esperando um desfecho melhor … hehehe

    Abraços

    • se é um ‘batmóvel’ tem que ter um ‘cinto de inutilidades’ …
      hehehe …
      era um ‘magnum’, despojado desse jeito ficou um ‘ mega nú ‘

  2. Provavelmente o dono era ou é mais um que adorava o famoso Ford Falcon Interceptor . Ainda não tinha visto um Magnum todo preto. pode ser impressão minha mas , essa lateral que vemos está ainda alinhada. Colocando uma rodas melhores fica bacana.

    • OBS.: Eu queria ter escrito:”Não gostei”…! Faltou digitar o NÃO antes da palavra GOSTEI. Erros acontecem. Heheheheee…! Um grande abraço a todos…!

  3. Belo carro, eu gosto desse modelo. Em minha cidade, tem 3 rodando, fora os que estão jogados. Vou ver se envio para o Russel essa semana ainda fotos de 4 Dodges jogados numa garagem.

    Enfim, o Magnum marcou o fim da era Dodge no Brasil, é um baita carro, muito similiar ao Charger 1979.

  4. O carro quando é especial, chama atenção da moçada, pode-se conferir pelo número de comentário, pelo que acompanho este é o recordista: 42.

  5. Pena ver o Dodge assim…..vai saber se ainda ostenta um V8 debaixo do capo? esse dias vi um landau c/ motor de opala 4cc…..tragico….

    Acho que volta sim, mas não gostei de tudo preto fosco….

  6. Numa pequena cidade do noroestão de Minas, carros antigos como déudéizonas, martas-rochas e guarda-louças tipo rural willys são estacionadas nas ruas e a população não os toca. É que ali o passado virou memória a exclusivo destino do tempo…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *