17 thoughts on “GM Monza, SP, Capital, foto de Rodolfão

  1. Sei não hein… Isso aí parece carro que foi surrado até o talo, e julgo por aparências (Acho que nesse caso deve ser permitido ?), estar com os documentos enrolados.
    Mas parece que parou de rodar faz pouco tempo, e é confortável, a traseira tem como sim, mas olhando o estado geral do carro não compensa mais, em vista que um desses hoje em dia é barato, e consome mais que um Maveco V8.

  2. Bem surrado, deve ter trabalhado muito em serralheria, marcenaria ou pedreiro mesmo! Acho que é doador é prensa!
    Esse modelo de monza é muito resistente e confortavel, só que bebe um pouco, e não é tão caro achar um inteiro, e ai acaba caindo nas mãos de quem não cuida direito….

    Já vi acontecer isso…tinha 1 pedreiro perto de casa que tinha um corcel II e usava p/ trampar, levava os ajudantes, material e tals….ai ferrou tanto o corcel, que quando deu pau no motor, largou na rua e comprou um tempra, que depois de um tempo foi apreendido por documentos atrasados, e já estava zuado e cheio de multas, largou lá pq não valia a pena retirar e agora ele tem uma palio weekend, 98 ou 99, já bem ferrada tbm….ah sim, o corcel ficou na rua, foi vandalizado, e foi p/ sucata!

    • esse pedreiro precisa ser impedido! ,pelo o que eu li o cara é um demolidor de carros! kkk Corcel II,Tempra e agora um Pálio Weekend…tem gente assim,que só sabe usar o carro até acabar,e depois vai atrás de outro pra acabar de novo,não cuida dos carros

  3. Esse é da 1° geração . Não vale mais a pena andar de Monza , gasta muito e é pesado . Aqui pela cidade de Novo Hamburgo e arredores quase não se vê mais eles pelas ruas .

  4. esses monzas so anda assim caindo aos pedaços nunca mais vi um inteiro. ja os monzas tubarões é difícil ver detonados todos que eu vejo estão tudo original e bem cuidado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.