24 thoughts on “Ford Maverick

    • Infwlizmente os próprios adoradores de carros antigos fazem o preço das coisas ir as nuvens (não é seu caso, apenas utilizo seu ganhcho)

      Vc paga 6k num maveco meia boca com tudo a fazer e pedem 4k um capô?

      Então nestes termos vc pagar 25, 30k num maveco pronto é loteria.

      • Concordo, mas existe margem para argumentos contrários.
        Infelizmente não temos uma indústria de peças para automóveis antigos que chegue aos pés da existente nos EUA e outros países. As únicas coisas que temos fáceis por aqui são justamente as fabricadas no exterior e compatíveis com os automóveis nacionais.
        Peças como conta-giros, relógio de console, volante, forrações de porta, etc; são peças exclusivas do nosso mercado e praticamente extintas, na linha Maverick. O capuz ainda é compatível com o do Grabber, mas tão raro por lá quanto por aqui. Estas peças estão em extinção, não tem para todo mundo, e quem tem pede até o máximo que alguém pagaria, justamente porque é um objeto que jamais perderá valor, muito pelo contrário. Simplesmente não vale a pena vender se for por pouco dinheiro.
        O grande problema em alguns aspectos, e solução em outros, foi justamente isto ter virado uma indústria. Foi problema por cercear o acesso de muitos aos automóveis antigos e tornar esse hobby algo muito elitista, mas foi bom para fomentar a gênese de uma indústria toda voltada para este ramo. Temos, hoje, muitas peças novas em produção que não podiam ser encontradas lá por meados dos anos noventa, quando o antigomobilismo ainda não estava em voga. Isso não torna apenas possivel restaurar automóveis que antes eram descartados pela inexistência de peças, mas também resgata e desenterra uma parte gigantesca da história destes carros e de nossa indústria. Para um país semi-comunista como o nosso, com uma indústria tão subdesenvolvida, o nível de atenção e conhecimento que detemos para certos modelos é algo de certo modo até louvável.

    • Ah…, Essa semana só saiu raridade. Parabéns ao Russel e aos que colaboraram com as fotos. A todo os membros que com os seus comentérios e sugestões fazem do Carroa Inúteis um espaço para ser compartilhado um sentimento que é de todos que fazem parte do blog: A paixão por carros…! Um grande abraço e um exelente final de semana a todos…!

  1. NÃÃÃÃÃÃÃOOOO!!!!
    NÃO da pra acredita nisso. não mesmo!!!
    Eu procurando um MAVERICK pra restaurar e tem gente que tem e faz isso com o pobre coitado. TO DOIDO e agora quem quer Gardenal e Captopril sou eu!!! Enloqueci e enfartei ao mesmo tempo.

  2. este da garagem do Bellote está melhor e um maverick mais original.
    No do post não aparecem as presilhas de fixação dos cabos nem os furos da fixação dos grampos. O GT 79 não as tinha, se for um poderia ser um indicativo do modelo que começou com um V8 canadense e acabou com um 4 cilindros devido à crise do petróleo.
    http://www.youtube.com/watch?v=n6RIU7hXYvk

  3. A Raquel poderia nos dizer se ele rodar ainda ou não. Creio eu que não está funcionando , e sim , com problemas mecânicos. Bela foto , por sinal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *